A Galeria da Fama dos Cientistas Malucos
Autor: Daniel H. Wilson e Anna C. Long
Editora: Cultrix
Páginas: 216

Sinopse
Página à página o livro, traduzido no Brasil por Carmen Fisher, oferece um breve resumo da história de cientistas: origem, relações, ambições, circulos de amizade, curiosidades, experimentos e conquistas, fechando sempre com uma análise psicológica do personagem em questão. Tudo em tom leve, acompanhado por ilustrações de Daniel Heard e dosado de muito bom humor, em um texto claro, embasado e bem escrito.

Entre os “pacientes” deste divã, constam Victor Frankenstein, personagem título do romance de Mary Shelley, que, de acordo com a obra, é portador de “sentimentos de inutilidade ou de culpa exacerbada”. Há destaque ainda para o Dr. Evil, inimigo número um de Austin Powers nas telonas, cuja capacidade criativa é equivalente à sua incapacidade de sentir remorso e empatia por qualquer ser humano – exceto seu melhor amigo, que é, na verdade, sua miniatura.
Já no clube dos cientistas reais, vale frisar o nome de Madame Marie Curie, vencedora de dois prêmios Nobel (Física, 1903 – Química, 1911). Entre suas invenções, o sobressalto fica por conta do aparelho de Raio X portátil, utilizado nos campos de batalha da Primeira Guerra Mundial. Outro grande nome da ciência citado na publicação é o Nikola Tesla, dono, nada menos, de 100 patentes – seu trabalho teórico forma as bases dos modernos sistemas de potência elétrica em corrente alternada (AC), incluindo os sistemas de distribuição de energia multifásicos e o motor AC, fundamental na introdução da segunda revolução industrial.
Nascido na Sérvia em 1856, este inventor atuou nos campos da engenharia mecânica e electrotécnica. O livro conta que, aos cinco anos, o garoto já apresentava sinais de genialidade. Ele disse a seu pai que iria controlar a força das águas – inventou uma batedeira de ovos hidráulica. Anos mais tarde, porém, suas faculdades mentais foram colocadas à prova quando disse que estava recebendo mensagens de habitantes de Marte ou Vênus por meio de seu rádio…
Organizado em seis capítulos – Com uma queda para dominar o mundo; Desbravadores Intépidos do grande desconhecido; Estabeleceram contato com extraterrestres; Fizeram experimentos com seres humanos; Morreram em nome da ciência; e Não malucos, mas simplesmentente irados! – o livro ainda reúne nomes como Dr. Julius No (James Bond), Capitão Nemo (Romance de Julio Verne), Dr. Stanley Milgram (QI 158, sendo que a média vai até 110), Auguste Piccard (inventor da cabine pressurizada para vôos de balão), entre tantos outros.

A Galeria da Fama dos Cientistas Malucos conta ainda com um quiz, no qual o leitor pode descobrir se também pode ser considerado um cientista maluco – mais um gancho em que a realidade converge.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

3 Comments on Lançamento – A Galeria da Fama dos Cientistas Malucos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não é um robo? Prove! * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.