Laços Inseparáveis
Título Original: Where We Belong
Autor: Emily Giffin
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788563219473
Páginas: 448
Amazon | Submarino | Americanas

Sinopse
Marian Caldwell é uma produtora de televisão de 36 anos, vivendo seu sonho em Nova York. Com uma carreira bem-sucedida e um relacionamento satisfatório, ela convenceu todo mundo, inclusive si mesma, que sua vida está do jeito que ela deseja. Mas uma noite, Marian atende a porta… para apenas encontrar Kirby Rose, uma garota de 18 anos com a chave para o passado que Marian pensou ter deixado para trás para sempre. Desde o momento que Kirby aparece na sua porta, o mundo perfeitamente construído de Marian — e sua verdadeira identidade — será chacoalhado até o fim, fazendo ressurgir fantasmas e memórias de um caso de amor apaixonado que ameaça tudo para definir quem ela realmente é. Para a precoce e determinada Kirby, o encontro vai provocar um processo de descobrimento que a leva ao começo da vida adulta, forçando-a a reavaliar sua família e seu futuro com uma visão sábia e doce. Enquanto as duas mulheres embarcam em uma jornada para encontrar o que está faltando em suas vidas, cada uma irá reconhecer que o lugar no qual pertencemos normalmente é onde menos esperamos — um lugar que talvez forçamos a esquecer, mas que o coração se lembra eternamente.

Opinião
Depois que li “Presentes da Vida” fiquei ansiosa para conhecer outros trabalhos da Emily Giffin porque eu tinha certeza que também seriam ótimos. Felizmente Emily não me decepcionou e “Laços Inseparáveis” é mais um livro com uma história envolvente e com personagens que tem sentimentos complexos.

Marian Caldwell teve em sua adolescência um grande amor mas por serem muito diferentes e ter planos para o futuro completamente distintos, Marian decidiu terminar o namoro após descobrir que estava grávida, sem compartilhar essa notícia com seu namorado.
Como ela sonhava em ir para a faculdade e seguir sua vida sem nenhum impedimento, ela resolveu entregar seu bebê para adoção. Após 18 anos sua filha, Kirby, a procura pois gostaria de conhecer sua mãe e seu pai e descobrir quais são suas raízes.

O livro é narrado em primeira pessoa por Kirby e Marian onde uma é responsável por um capítulo. Com isso o leitor pode ver o choque, a curiosidade e a confusão de Marian e o sentimento de rejeição, de “peixe fora d’água” de Kirby e, principalmente, a luta das duas para se conhecerem e se sentirem a vontade na presença uma da outra.

Adorei acompanhar a busca das duas para descobrir onde estaria o pai de Kirby e todo o nervosismo em torno disso. É um livro que te prende, atiça sua curiosidade e que não tem aquele final óbvio.
Mais um livro super aprovado da Emily Giffin!

Nota 9

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

16 comments on “Resenha – Laços Inseparáveis”

  1. Eu adoro os livros da Emily Giffin, são fantásticos. Pena que até hoje só um livro dela foi adaptado para o cinema, acho que todos deveriam ser. hahaha! Espero uma oportunidade para ler esse livro.

  2. Adorei sua resenha, ainda não li nada da Emily Giffin, porém já li muitos comentários positivos em relação aos livros dela, assim como o seu! Espero ler o livro em breve pois sua resenha me deixou bem ansiosa!

  3. Uma vez quase comprei Questões do Coração, mas como os capítulos eram intercalados, desisti, pois geralmente não consigo acompanhar a história assim! haha O único livro assim que consegui entender direitinho foi a trilogia As Crônicas dos Kane, do Rick Riordan.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não é um robo? Prove! * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.