O homem de sao petersburgo - capaO Homem de São Petersburgo
Título original: The Man from St. Petersburg
Autor: Ken Follet
Editora: Arqueiro
Páginas: 336
Comprar:Amazon|Submarino|Americanas

Sinopse
A história pode estar prestes a mudar. 1914: a Alemanha se prepara para a guerra e os Aliados começam a construir suas defesas. Ambos os lados precisam da Rússia, que enfrenta graves problemas internos e vive na iminência de uma revolução. Na Inglaterra, Winston Churchill arquiteta uma negociação secreta com o príncipe Aleksei Orlov, visando a um acordo com os russos.

No entanto, o anarquista Feliks Kschessinsky, um homem sem nada a perder, está disposto a tudo para impedir que seu país envie milhões de rapazes para os campos de batalha de uma guerra que nem sequer compreendem. Para isso, ele se infiltra na Inglaterra com a intenção de assassinar o príncipe e, assim, frustrar a aliança entre russos e britânicos.

Opinião
“O Homem de São Petersburgo” é um livro de ficção escrito por Ken Follet, originalmente publicado em 1982.
A história tem como pano de fundo as negociações diplomáticas entre Inglaterra e Rússia que antecederam a primeira guerra mundial. Um casa da aristocracia inglesa recebe um príncipe russo para negociar uma aliança entre os países antes que a guerra comece, no entanto, um anarquista russo é designado para impedir que essas negociações aconteçam e assim evitar que a Rússia entre na guerra.

Mesmo sendo um livro de ficção, ele baseado em alguns fatos e personagens reais, como Winston Churchill, e tem no início do livro as fontes de onde os fatos foram retirados. O autor fez uma grande pesquisa e apresenta um excelente panorama da época, descrevendo desde as comidas às casas e acomodações dos personagens.

Este é um romance histórico muito bem escrito por Ken Follet aonde ele consegue dosar muito bem o nível de detalhamento para que a leitura não fique maçante. Os personagens são muito bem descritos e desenvolvidos, mostrando como era o pensamento da época e os conflitos ideológicos que eles enfrentam.

Acredito que a parte histórica é realmente apenas um pano de fundo para a história, talvez pela falta de ferramentas de pesquisa ou informações na época em que o livro foi escrito. O fato é que o foco principal do livro é o romance de alguns dos personagens e suas implicações no contexto. Para as pessoas que esperam um livro mais histórico, como a trilogia “O Século” em que praticamente tudo é baseado em fatos reais, é bem provável que se decepcionem. No entanto, se você quer ler um bom romance baseado no início do século XX, esse é uma ótima indicação.

Nota 7

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Engenheiro eletricista, rato de biblioteca e apaixonado por livros, filmes, jogos de computadores e de tabuleiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não é um robo? Prove! * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.